Campanha Anti-Plágio

Pamela Chris

sábado, 11 de agosto de 2012

Encontro na Noite - Mia Antiery

Bom dia, queridos.
Esse é um livro que eu recebi de book tour, promovido pela própria autora. E tudo o que eu posso dizer é que eu queria ter gostado do livro, mas não foi assim :( O que não quer dizer que vocês não devam dar uma oportunidade (encontrei pessoas no skoob que gostaram dele).
Bem, para o bem ou para o mal, fui sincera na minha resenha e espero que vocês apreciem isso.


"Rose é uma jovem que vive atormentada pelos piores sentimentos inerentes aos mortais: medo, angústia, complexo de inferioridade e desapreço pela vida. Alessander é um ser imortal; um vampiro que, inexplicavelmente, sofre as consequências dos sentimentos confusos que corroem a vida de Rose. Para tentar se livrar desse estranho laço que o liga a uma humana, ele chega à conclusão que a única solução é tranformá-la em uma vampira, mas não sabia que tal ato lhe proporcionaria um resultado oposto àquele que esperava. No meio de uma história de amor sem limites, a mortalidade de Rose se confude com a imortalidade de Alessander, fazendo o leitor viver as mais belas emoções."

Nota:



Em uma palavra: Rápido

Eu sinto muito pela autora, mas eu achei que devesse ser sincera. Aliás, isso também é ter respeito pelo trabalho dela e o meu. Eu não gostei muito do livro, e vou explicar porquê. Mas antes quero dizer seus pontos positivos.
O livro foi bem diagramado e corrigido, encontrei pouquíssimos erros gramaticais, quase nada. Um ponto para a editora. Também me cativei com Rose, pela história de vida dela (como humana, sua história é triste, mas como crítica foi necessário para explicar sua falta de gosto pela vida). Porém, pelo mesmo fato dela não ter gosto pela vida, é meio sem graça. Até o momento em que conhece Alessander, quando fica bem melhor.
Juliana também é do tipo da amiga inseparável, para o que der e vier. Um refúgio e alívio para Rose. Gostei da jovem, do seu jeito e principalmente por ela aceitar Rose do jeito que é e com o que se tornou.
Um bom ponto também foi o vampirismo da história. Nada daqueles melosos arrependidos (apesar de que eu também adoro esses melosos arrependidos) que se receiam em matar humanos. Combina mais com a natureza deles e é diferente da maioria das histórias que vemos. Essa é para quem quer mudar um pouco o que acha sobre os vampiros.
Agora os pontos fracos: Achei a narrativa rápida e sem emoção. Poderia ter falado mais dos sentimentos dos personagens, ou pelo menos ter dado uma pausa para digerirmos o momento. Os diálogos também não soaram naturais e não havia ação entre eles. Senti falta disso.
Achei a trama fraca, sem muitos acontecimentos que poderiam ter enriquecido. Talvez uma desavença com Gustavo, talvez o surgimento de uma antiga personagem maligna (não digo quem para não dar spoiler)... Bem, algo mais incrementado poderia dar um up na história. O momento mais dramático, acho, foi a transformação de Alessander, e eu tenho certeza que poderia surgir mais coisas daí. A autora poderia ter explorado bem mais sua história.
Enfim, o final foi bem escolhido, a solução inesperada. Mas não é um livro que eu pegaria novamente.


Um comentário:

  1. Sou sincera quando digo que gostei da sua resenha. O ponto sobre a transformação de Alessander principalmente. Como o livro possui duas partes deixei para trazer a "personagem" de volta na segunda parte. Devo ter pecado nisso. Como já estou escrevendo a segunda parte suas criticas vão ajudar muito. Obrigada!!!

    http://imaginemia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Outros livros:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...